Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.      Telefone: (61) 9 9607-4647 

     
Oportunidades de emprego oferecidas pelo SINE de Morrinhos/GO

Oportunidades de emprego oferecidas pelo SINE de Morrinhos/GO - 09/11/2018

O Sine Morrinhos disponibiliza vagas de emprego destinada aos trabalhadores do município. Há oportunidades para:

Garçom
telemarketing 
Analista de departamento pessoal 
Analista de RH
Pintor de automóveis 
Funileiro de veículos


Vaga para PCD:

Abastecedor de linha de produção (PCD)
Operador de trafego (PCD)
Auxiliar de conservação de vias (PCD)

OBS: Os interessados devem comparecer ao Sine, localizado na Rua Barão do Rio Branco, munidos de Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS), cédula de identidade (RG), Cadastro de Pessoa Física (CPF) e comprovante de residência. Algumas vagas já poderão ter sido preenchidas.
Maicon Esteves, de 27 anos, ficou 4 dias perdido em uma mata fechada e foi resgatado nessa 4ª. Ele está sendo tratado com medicamentos e já conseguiu ingerir um caldo.

Piloto que sobreviveu após queda de avião em MT teve queimaduras, desidratação e infecções, diz médico

Maicon Esteves, de 27 anos, ficou 4 dias perdido em uma mata fechada e foi resgatado nessa 4ª. Ele está sendo tratado com medicamentos e já conseguiu ingerir um caldo.

O piloto paranaense Maicon Semencio Esteves, de 27 anos, que sobreviveu após uma queda de avião e foi resgatado nessa quarta-feira (7), com vida, depois de ficar quatro dias em meio à selva em Peixoto de Azevedo, a 692 km de Cuiabá, se recupera dos ferimentos no Hospital Regional de Peixoto.

O irmão de Maicon, Diego Semencio Esteves, disse ao G1 que ele está bem, mas ainda se sente fraco. Uma nova bateria de exames deve ser feita ainda no final da manhã desta quinta-feira (8). Não há previsão de alta.


Piloto foi resgatado com vida, em meio à selva em Peixoto de Azevedo — Foto: Arquivo pessoal Piloto foi resgatado com vida, em meio à selva em Peixoto de Azevedo — Foto: Arquivo pessoal

Piloto foi resgatado com vida, em meio à selva em Peixoto de Azevedo — Foto: Arquivo pessoal

De acordo com o hospital, Maicon teve infecções e queimaduras de primeiro e segundo grau devido ao pouso, principalmente no rosto. Ele passa por uma reintrodução alimentar e já conseguiu ingerir um caldo ainda na noite de quarta-feira.

Segundo os médicos, o piloto está respondendo bem e está consciente. Maicon está sendo tratado com antibiótico e anti-inflamatório.


Maicon sobreviveu após avião agrícola cair em Mato Grosso — Foto: Arquivo Pessoal/Reprodução Maicon sobreviveu após avião agrícola cair em Mato Grosso — Foto: Arquivo Pessoal/Reprodução

Maicon sobreviveu após avião agrícola cair em Mato Grosso — Foto: Arquivo Pessoal/Reprodução

 

Os médicos fizeram uma bateria de exames e verificaram que Maicon teve um comprometimento renal por causa da desidratação que sofreu durante os dias em que esteve na mata.

Apesar da queda da aeronave, o piloto não teve nenhuma fratura ou ferimento grave.

 

O acidente

 

Maicon estava sozinho e comandava um avião, modelo Neiva EMB-201, matrícula PT-GSH. Saiu de Porto Nacional, no Tocantins, para fazer um translado até Alta Floresta, a 800 km de Cuiabá, quando sofreu o acidente.

O avião caiu no último domingo (4) e, desde então, Maicon estava sendo procurado pela Polícia Militar e por amigos e familiares que foram para o local para ajudar nas buscas.


Avião agrícola caiu em área de mata em Peixoto de Azevedo — Foto: Polícia Militar de Mato Grosso/Divulgação Avião agrícola caiu em área de mata em Peixoto de Azevedo — Foto: Polícia Militar de Mato Grosso/Divulgação

Avião agrícola caiu em área de mata em Peixoto de Azevedo — Foto: Polícia Militar de Mato Grosso/Divulgação

Os destroços do avião foram encontrados por trabalhadores de uma fazenda próxima ao local do acidente, no entanto, não havia sinal do piloto.

Em um áudio enviado para a namorada, ao qual o G1 teve acesso, Maicon diz que sairia de Porto Nacional em direção a Confresa, a 1.160 km de Cuiabá, onde faria uma parada para abastercer.

De lá, seguiria para Matupá, a 696 km da capital, novamente para fazer um segundo abastecimento. A viagem terminaria em Alta Floresta.

 

Resgate

 

O piloto foi encontrado próximo a um rio, bastante debilitado, e levado de ambulância para Peixoto de Azevedo. Ele teria andado 2 km do local da queda do acidente até onde foi localizado.



Grupo fez maca improvisada com roupas e madeira para resgatar o piloto da mata em Peixoto de Azevedo — Foto: Arquivo pessoal Grupo fez maca improvisada com roupas e madeira para resgatar o piloto da mata em Peixoto de Azevedo — Foto: Arquivo pessoal

Grupo fez maca improvisada com roupas e madeira para resgatar o piloto da mata em Peixoto de Azevedo — Foto: Arquivo pessoal

Segundo um fazendeiro que ajudou nas buscas, o piloto conseguiu chegar em uma região com água, mas não conseguiu ingerir o líquido por estar muito debilitado.

Um grupo de 15 voluntários, três bombeiros e oito policiais militares estavam na região e tentavam localizar o piloto. A área é de aproximadamente 6 mil hectares de mata fechada.

Maicon mora em Primeiro de Maio, cidade do Paraná, e trabalha com aviação agrícola.

Oportunidades de emprego oferecidas pela SETRAER/SINE (SECRETARIA DE TRABALHO E RENDA DE CATALÃO)

Empregos do Sine Catalão para o dia 06/11/2018

Oportunidades de emprego oferecidas pela SETRAER/SINE (Secretaria de trabalho e renda de Catalão) 

1-Pedreiro com experiência, masculino;

2-Pizzaiolo com experiência, masculino;

3-Técnico em enfermagem com experiência e COREN, ambos os sexos.

OBS: Todas as vagas poderão ter sido preenchidas, necessário trazer CTPS, RG, e CPF.

Bruno Gagliasso comenta polêmica do irmão, mas evita críticas

Bruno Gagliasso comentou a respeito da polêmica envolvendo seu irmão, Thiago, e a esposa, Giovanna Ewbank, durante participação no evento de lançamento do filme “Todas as Canções de Amor”, nesta quarta-feira (24).
O ator confessou que esperava perguntas sobre o assunto, mas evitou aumentar ainda mais a confusão entre os parentes. “Já vim pronto para falar. Estou me segurando”, comentou à revista “Quem”.
“O que posso dizer é que cabe a cada um fazer bom uso da rede social. Eu escolho sempre o caminho do amor”, declarou.
No último fim de semana, vale lembrar, Thiago Gagliasso compartilhou no Instagram uma conversa que teve com a cunhada pelo celular. Nas mensagens, a loira o acusou de se aproveitar do dinheiro do irmão.
A confusão teria começado quando o ator, que apoia o candidato a presidência da República Jair Bolsonaro (PSL), se posicionou contra verbas publicitárias e a influência das emissoras de TV.