Eu não tenho tempo…

Eu não tenho tempo…
Imagem disponível em: https://maesamigas.com.br/organizacao-x-tempo-para-um-lar-organizado/

          Alguns dizem que Tempo é Dinheiro! Nós podemos dizer que Tempo é Vida!
          Certamente a maioria das pessoas já utilizou expressões como “eu não tenho tempo para isso”, eu não tive tempo de fazer aquilo”, “estou muito ocupado”, ou outras semelhantes. A questão é que sempre estamos ocupados demais para fazer algo. Na verdade, seja qual for este “algo”, não estamos dando prioridade em nossas vidas. Não há tempo suficiente ou não há prioridade?
          Confuso? É simples. Se não há tempo é porque não é prioridade, pois não vamos priorizar algo que tomaria o nosso tempo.
          Para alguns, levar uma vida muito ocupada de fazer, fazer e fazer é uma questão de status, acham importante ter uma agenda lotada de afazeres, mas de nada adianta se estes compromissos não lhe geram resultados, seja no trabalho, na família ou nas relações sociais.
          A primeira coisa a fazer para buscar o equilíbrio e consequentemente o significado da vida é:

                   ♦ dar um basta na sensação de simplesmente existir para cumprir os compromissos;

                  ♦  não permitir que as horas do dia sejam preenchidas por algo que não se controla;

                  ♦ otimizar o dia com coisas reais e produtivas.

         Chega de deixar que o relógio controle sua vida!
       E para isso, nada melhor do que fazer uma reorganização nesta agenda identificando quais são as reais prioridades e determinando o que é importante e o que não é.
      Que  tal eliminar ou reduzir aquilo que se tornou hábito e que não é produtivo ou que não traz alegria e satisfação? Valorize este tempo com algo mais significativo.
       Após saber as prioridades e possibilidades, você já pode controlar o tempo! Já pode controlar a sua própria vida! Às vezes não é fácil mudar hábitos rapidamente, então comece devagar com pequenas mudanças. Seja flexível, caso precise fazer algum ajuste. Afinal, a vida é dinâmica e as circunstâncias ou prioridades podem mudar.
         Todos têm o mesmo tempo, começam com as mesmas 24 horas todos os dias! Basta apenas saber o que fazer com elas!  

Maria Almeida
Administração e Desenvolvimento Humano

Foto: Acervo da Autora.

 

Compartilhar

Deixe uma resposta