Goiás recebe 183 mil doses da CoronaVac e vacinação começa nesta segunda-feira por Anápolis, diz Caiado

Goiás recebe 183 mil doses da CoronaVac e vacinação começa nesta segunda-feira por Anápolis, diz Caiado

Doses chegaram ao fim da manhã em Goiânia, onde imunização começa quarta-feira (20). Prioridade para receber vacina é de idosos e profissionais da saúde na linha de frente contra a Covid-19.

O estado de Goiás recebeu 183.080 doses da CoronaVac, vacina contra a Covid-19, na manhã desta segunda-feira (18). O governador, Ronaldo Caiado (DEM), foi a São Paulo buscar a vacina e divulgou que a primeira pessoa a ser imunizada será um morador de Anápolis, a 55 km de Goiânia, às 17h.

Segundo a Força Aérea Brasileira (FAB), a aeronave KC-390 Millennium com as doses da CoronaVac em direção a Goiás saiu às 10h10 de Guarulhos (SP) e pousou no antigo terminal do Aeroporto Santa Genoveva, em Goiânia pouco antes das 11h30.

Secretário de Saúde de Goiás, Ismael Alexandrino informou que, inicialmente, foi informado que Goiás receberia 87 mil doses da vacina. No entanto, chegando a Goiânia, foram contabilizadas 183.080. Segundo ele, essa quantia pode imunizar até 91.540 pessoas, já que cada uma deve tomar duas doses da vacina.

G1 solicitou às Secretaria de Estado da Saúde (SES), nesta manhã, informações sobre quantas pessoas estão no grupo prioritário em Goiás, quais os critérios para distribuição entre os municípios e aguarda retorno.

A CoronaVac foi desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac e, no Brasil, será produzida pelo Instituto Butantan, em São Paulo. O uso emergencial da vacina foi aprovado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) no domingo (17) e a distribuição está sendo feita pelo país. A agência também aprovou o uso emergencial da vacina de Oxford.

Grupos prioritários

Caiado destacou que deve vacinar os goianos seguindo as prioridades definidas pelo Ministério da Saúde (MS). “Prioridade aos idosos e também toda equipe médica de saúde pública que está à frente na luta conta a Covid-19”, disse.

De acordo com a SES-GO, o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação Contra a Covid-19 prevê, para os goianos, 7% do total de doses compradas pelo Ministério da Saúde (MS).

O estado já começou a distribuir seringas e agulhas para os municípios se prepararem para a imunização.

“Neste momento começam a ser distribuídas as doses em todos municípios, de forma que Anápolis será o primeiro a vacinar, de forma simbólica. Então os 246 municípios estarão autorizados a começar a vacinar a partir de então. Essa logística já está acontecendo”, detalhou o secretário Ismael Alexandrino.

Controle de vacinados

Ismael Alexandrino explicou que o controle da imunização deve ser feito por meio de um cadastro junto ao Ministério da Saúde, que vai controlar quem tomou qual vacina e quando para garantir que sejam administradas as duas doses que cada um precisa corretamente.

“A vacinação será registrada na planilha do MS, que foi criada para a Covid-19. Todos os cidadãos estarão registrados: qual dose de qual marca. Isso tudo para garantirmos uma vacinação segura”, esclareceu.

O secretário explicou que cada um que for vacinado precisa apresentar um documento de identidade com foto e informar o endereço de onde vive, independente de onde estiver recebendo a dose.

“A pessoa que vacinar terá marcado no cartão do SUS (Sistema Único de Saúde). Se a pessoa não tiver o cartão do SUS, receberá um lá. […] Não minta seu endereço porque isso dificulta o controle e ninguém será preterido por não estar na cidade em que se propôs a vacinar”, alertou.

POST COMPLETO EM : https://g1.globo.com/go/goias/noticia/2021/01/18/goias-recebe-87-mil-doses-da-coronavac-nesta-segunda-feira-diz-ronaldo-caiado.ghtml

Compartilhar

Deixe uma resposta