Nós somos perfeita contradição

Nós somos perfeita contradição
Imagem disponível em: https://www.sabedoriapolitica.com.br/products/evolucao-do-pensamento-humano/

         Contradição é uma palavra que deveria vir na frente do nosso nome. Contradição Maria das Graças Silva. Contradição José Pereira. E não estou exagerando em minhas reflexões. 
      Só pra começar, segundo a ciência somos seres racionais porque utilizamos a razão e evoluímos tecnologicamente, pois nosso telencéfalo mais desenvolvido e nosso polegar opositor nos faz inventores. 
       Bem, se estamos usando a razão, como então deixamos nosso planeta, nossa casa ser agredida e violentada a ponto de ter as florestas queimadas, o ar poluído, as águas envenenadas, as crianças assassinadas pela violência, pela fome, os animais torturados e mortos como alvos para diversão?
     Se evoluímos tecnologicamente e utilizando a razão, preferimos o progresso e as máquinas à companhia sorridente e aconchegante das pessoas. Mas é porque as pessoas se converteram em criaturas egoístas e egocêntricas ou estão ocupadas o bastante com suas compras, suas angústias, seus medos e seus desconfortos diante da modernidade?
         São tantas informações sobre tudo, são tantas coisas à mão, que de repente, o isolamento social não deixou todo mundo louco ainda. Somos uma contradição porque em tempo de se proteger e pensar no grupo, as pessoas não conseguem alcançar o ideário coletivo e pensar que, se eu estou  me protegendo, eu não estou só me protegendo, mas sim o Outro também.
          Mas quem danado está pensando no Outro? Dos muitos que ainda estão respeitando protocolos de distanciamento e medidas de segurança sanitária, só o estão fazendo porque morrem de medo de pegar o coronavírus e morrer por complicações da Covid-19. Outro tanto de gente assume uma postura de indiferença. E tem uma porção de pessoas que juram que são imunes. É que já encontram uma solução para evitar ser pego pelo mal que ronda. 
         Somos contraditórios porque mesmo vendo os números da Pandemia no mundo, ou perto de nós, há pouco luto por tantas vidas que se foram. Mesmo vendo o mundo mergulhando em angústias, há uma multidão que ri e ignora a máscara, o álcool em gel e cai na piscina, porque pra ele, i-racionalmente falando, está tudo bem. Mas antes, reza, ajoelha, entrega nas mãos de Deus, mas não faz como Ele recomenda. “Faça tua parte”.
        E os recados do Senhor nem sempre são compreendidos e alcançados em sua essência, mas nós, humanos, somos apenas humanos, somente, não divindades, viu? Confira no embalo do Padre Fábio e do cantor Fagner.   

   Francimar Bezerra
Professora, Jornalista, Escritora

 

Compartilhar

Deixe uma resposta