O homem é um ser religioso por natureza.

O homem é um ser religioso por natureza.

Centenas e milhares de anos atrás o homem olhou para o céu procurando aquele algo que preenchia todos com a vida. Alguém que mantinha tudo em seus lugares. Aquele que criara tudo que não tinha fim. O homem desejou tocá-lo. Desejou ser também infinito, imortal. Assim nasceram os rituais, as divindades, as rezas, os cantos, numa tentativa de alcançar aquele que era e que é eterno.
Então o homem é um ser religioso por natureza. Hoje o povo de Morrinhos comemora a fundação de Morrinhos em meio aos cantos a Nossa Senhora do Carmo. Uma mulher cheia de graça que foi tocada pelo sagrado.
Mas como Maria, aquela jovem de Nazaré, somos todos nós que levantamos diariamente para trabalhar e enfrentar com coragem a vida. Parabéns a todos os Morrinhenses nascidos ou adotados como eu, por acreditarem na vida e lutarem diariamente na tentativa de alcançar o sagrado.

Francimar Bezerra de Almeida
Professora da Rede Municipal
Autora do Sistema Pomares de Ensino
Presidente da Academia Morrinhense de Letras

Compartilhar

Deixe uma resposta